A empresa de Josef Průša adquire empresa Futur3D

Publicados: 18/06/2018 Países relacionados:  Brasil Brasil

As impressoras fabricadas pela empresa Futur3D utilizam uma tecnologia diferente, baseada na solidificação por luz UV.

 O dono da empresa Prusa research quer tornar este tipo de impressoras mais acessível ao público e fazer a mesma revolução como com suas impressoras Prusa i3. Todos os meses são fabricadas 6 000 impressoras originais Prusa i3. 

A empresa Prusa Research foi fundada em 2012, quando Josef Průša recebeu cerca de 9.000 dólares de seu pai. As impressoras são exportadas para vários países do mundo, especialmente para os Estados Unidos. A ideia da Prusa era aumentar o número de usuários de impressoras 3D. Devido ao fato de que as impressoras são muito baratas, há pessoas que compram este tipo de impressoras para "brincar" com os componentes e imprimir as peças muito personalizadas. Como as impressoras são fabricadas desde 2009, agora é um produto muito confiável, o que é algo excepcional entre outras marcas. O que faz uma grande diferença em relação as outras empresas é o fato de você poder imprimir peças sobressalentes gratuitamente no âmbito do projeto RepRap. Na fábrica, eles podem imprimir até 60 novas impressoras por dia com 50 impressoras em serviço. 

De acordo com Josef Průša, as impressoras são compradas por modeladores que querem imprimir suas próprias peças, arquitetos e construtores. 

 

Fonte: http://zpravy.e15.cz;  www.prusa3d.com

Elaborado pela equipa da CzechTrade Sao Paulo