VHM renova operação de aço, exporta para a Alemanha

Publicados: 10/05/2018 Países relacionados:  Brasil Brasil

"O reinício da siderurgia é um ponto absolutamente crucial para restaurar a confiança do mercado, especialmente o alemão, para onde a maior parte de nossa produção é exportada", disse Jiří Brož, diretor comercial da VHM.

A empresa VÍTKOVICE HEAVY MACHINERY (VHM), cujo controle é gradualmente assumido dentro do plano de reorganização pela empresa SPV VTK de propriedade de Jaroslav Strnad, reiniciou a operação de suas siderúrgicas, cancelou as restrições à produção e está voltando ao ritmo de trabalho padrão. O modo de produção padrão foi reconfigurado. "O reinício da siderurgia é um ponto absolutamente crucial para restaurar a confiança do mercado, especialmente o alemão, para onde a maior parte de nossa produção é exportada", disse Jiří Brož, diretor comercial da VHM.

 

Depois que a VHM conseguiu encontrar um novo investidor estratégico, o início gradual de todos os workshops foi iniciado. Os processos de trabalho a frio, isto é, usinagem e montagem, foram reiniciados já em 20 de março. "No entanto, o que é importante é a reinicialização da aciaria, tendo em mente os processos a jusante na fundição, forja e em todas as outras oficinas subseqüentes", diz Vladimir Molek, diretor de produção da VHM, acrescentando que o reinício está sendo executado de acordo com as datas anteriormente aconselhado aos clientes.

 

Assim, a produção em VHM foi reiniciada em todas as oficinas e para todos os tipos de produtos. "Como a nossa principal carteira de clientes consiste em clientes que enfatizam o desempenho exato das condições acordadas, a reinicialização da aciaria dentro do prazo prometido é um sinal positivo importante para todo o mercado", afirmou o Sr. Brož. A exportação de VHM vai para países da UE, mas também para a Rússia, Canadá, Brasil ou Índia.

 

A siderúrgica está intimamente ligada a toda a gama de produtos da VHM, desde lingotes a equipamentos tecnológicos. Quanto ao mercado alemão, que é o mais importante, os produtos são entregues aos clientes como a BGH, a Thyssen Krupp no ​​caso dos lingotes, a Hatebur, a Cast-Con, a Schuler Pressen, a Giestechnik e outras empresas no caso de fundições complicadas , por exemplo, empresas Weser, Delta, Hosselmann, Otto Fuchs, Siemens, Grupo VW em caso de forjamento, e Becker Marine no caso de componentes para a construção naval.

 

As entregas para usinas hidrelétricas vão para os clientes, como por exemplo, a Voith Hydro, Andritz Hydro. Os principais eixos dos moinhos de vento são exportados, entre outros, para as empresas ENO, Senvion. E equipamento tecnológico completo é comprado por, e. Siemag Tecberg, Grupo SMS ou OLKO.

 

A empresa espanhola Gamesa Eolica ou a Bielorrússia, Bělaruskalij, são outros clientes importantes.

 

Adaptado de VITKOVICE HEAVY MACHINERY, elaborado por CzechTrade São Paulo

Fontes

CIANEWS

http://www.vitkovice.cz/en